Planeje-se e tire o seu sonho do papel | ACIRP


18/01/2020

Planeje-se e tire o seu sonho do papel

Sebrae disponibiliza 350 ideias de negócios para quem quer ter a própria empresa em 2020

Os primeiros meses do ano são, tradicionalmente, o período no qual grande parte das pessoas resolve colocar em prática novos sonhos e projetos. Isso explica o fato de que esse período do ano concentra o maior volume de abertura de novas empresas no Brasil. São milhões de pessoas buscando tirar do papel uma ideia e transformar em realidade o desejo de ser dono do próprio negócio. Segundo a Pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), abrir o próprio negócio está em quarto lugar na posição de sonhos mais desejados. O primeiro é ter a casa própria, seguido de viajar pelo Brasil e comprar um carro.

Pensando em apoiar esses potenciais empresários, o Sebrae disponibiliza um conteúdo voltado a quem planeja abrir uma empresa e está em busca de orientações. São 350 Ideias de Negócios para quem pretende se tornar empreendedor em 2020. No canal, um dos espaços mais buscados no Portal Sebrae, é possível acessar diversas informações sobre o ramo do negócio que o potencial empresário quer trabalhar. As orientações incluem uma visão geral do mercado, as exigências legais e específicas, a estrutura necessária para abrir o negócio, pessoal, os equipamentos, matéria-prima, mercadoria, a organização do processo produtivo, canais de distribuição, investimento, as estratégias de divulgação, entre outras.

“Para que o empresário comece bem é preciso que ele busque o maior número de informações e dados possíveis, somente assim, conseguirá minimizar os riscos e garantir que seu negócio saia do papel de forma estruturada e com competitividade”, explica o presidente do Sebrae, Carlos Melles.

Entre os segmentos mais procurados pelos potenciais empreendedores, estão loja virtual, pet shop, beleza, turismo, moda, marmita, restaurante, reciclagem, consultório de psicologia e consultoria. Para incentivar e inspirar os futuros empresários, o Sebrae preparou uma série de matérias que contará a trajetória de donos de pequenos negócios que conquistaram seu espaço nesses dez segmentos. Hoje é a vez da loja virtual.

Pão on-line

A Dejú é uma padaria exclusivamente on-line. Por meio de um aplicativo, o cliente programa o dia e o horário da entrega dos produtos que deseja consumir, ou realizar uma assinatura mensal.  O pão é o carro-chefe e está disponível em muitas versões, como: integral, multigrãos, sem glúten e com abóbora, batata ou torresmo. Além deles, a padaria disponibiliza também biscoito, brioche, pão de queijo, massa folhada e embutidos.

A empresa nasceu a partir da experiência profissional do proprietário Raphael Ferreira, que – junto com Jurandir Pizzani – fundou a Panebras, principal indústria de panificados congelados do Centro-Oeste. A fábrica atende a grandes e médias redes de supermercados do Distrito Federal e de Goiás, e exporta para Estados Unidos, Canadá e Portugal.

“Dejú sempre esteve nos planos da Panebras, pois sempre tivemos a intenção de oferecer os nossos panificados diretamente ao consumidor final. Há dois anos, chegamos em um consenso do formato da Dejú”, afirmou Ferreira.

A padaria online é um produto piloto e funciona no município de Maringá (PR). A plataforma está disponível desde janeiro, tem 22 mil clientes cadastrados, realiza 250 entregas diárias e opera com 10 funcionários. A expansão da marca será feita por meio de franquia. “A Deju Foods, que é a franqueadora, possui 8 funcionários fixos e 5 terceirizados”, disse.

A empresa participou do projeto Evoa, com o suporte do Sebrae no Paraná. A ideia do programa é preparar, apoiar e desenvolver empresas com potencial de crescimento. “Para mim, foi muito importante, pois venho de um sistema tradicional de empresas e lá tive muitos insights e contato com muita gente boa”, avaliou Raphael Ferreira.

 

Ideias

O negócio padaria está entre os mais buscados no canal Ideia de Negócios, no Portal do Sebrae. Aqui, sintetizamos algumas dicas para você planejar a sua empresa e transformar seu sonho em realidade. As informações completas, você pode encontrar no Ideias – Negócio Padaria. Segundo os especialistas do Sebrae, o setor de panificação possui características artesanais e industriais. A padaria artesanal é aquela em que a venda ocorre diretamente ao consumidor, já a industrial é voltada para o comércio atacado. A maior concorrência vem dos supermercados.

Conforme o Ideia, local é determinante na definição do perfil e características de consumo dos clientes. O ideal é procurar uma área com alta densidade populacional ou grande fluxo de pessoas. Antes de escolher a localização, procure observar o poder aquisitivo da população, números de padarias existentes na vizinhança, qualidade dos concorrentes e não deixe de verificar os imóveis disponíveis no bairro.